Tomar - Ponte Velha - Rio Nabão - Portugal

Tomar - Ponte Velha - Rio Nabão - Portugal
Fotografia: Joaquim Francisco - Tomar - 2008-02-25

Quem sou:

A minha foto
Alguém que pensa que: Não há nada de oculto que não deva aparecer ao público. Se alguém tem ouvidos, que ouça. Se alguém tem olhos, que veja. Se alguém tem boca, que fale.

ATENÇÃO:

Todas as Actividades Radicais representadas neste Blog, envolvem muitas horas de prática e utilização de material devidamente testado e aprovado pelo fabricante. Assim, não é recomendável que alguém pratique ou tente praticar algumas destas Actividades, sob pena de, por falta de experiência, ocorrerem acidentes que vêm a prejudicar o praticante e terceiros. Lembro que a prática de Actividades Radicais por parte de um principiante, deve ser acompanhada de perto por um especialista mais experiente e de preferência habilitado para o efeito.
Google

Verão Total - 2008/08/01 - Entrevista da Sapiens por Helder Reis

Actividades

Actividades

AS ACTIVIDADES POR DATAS:

54 - Férias (Londres) Inglaterra - 20-06 a 29-06-2009

Uma viagem para o estrangeiro, tem de ser agendada com uma antecedência de pelo menos três meses. Porquê?... Porque os bilhetes de avião (se for este o meio escolhido para a deslocação), FICAM MUITO MAIS BARATOS. Para a Inglaterra, duas pessoas, ida e volta, uma média de 230,00 €. Caro?... penso que não. A transportadora da moda para estes voos, Easyjet pois claro. Já no terreno (lá), os transportes públicos, nomeadamente comboio e metro, são a melhor opção para nos deslocarmos, podendo comprar bilhetes que dão para os dois em simultâneo. Atenção às horas de deslocação, convém ser depois das 10 am e regressar depois das 07 pm horas, porque os bilhetes são mais baratos (fora da hora de ponta). Quanto ao resto, é só diversão.
1.st day (Primeiro dia) 20 - sábado - Partida de Lisboa com chegada ao Aeroporto de Luton. Viagem sem contratempos. A tarde foi aproveitada para uma rápida ida a St. Albans para ver as vistas.

2.nd day (Segundo dia) 21 - domingo - Covent Garden Market grande mercado Londrino, local obrigatório para visitar. Recomendo uma ida ao grande centro comercial para ricos chamado HARRODS.

Que tal o Palácio de Buckingham, boa, bora lá. Um piquenique no seu jardim público é garantido.

Antes de ir embora para "caselas", passagem por um local londrino, verdadeiramente emblemático Piccadilly Circus.

3.th day (terceiro dia) 22 - segunda -

Tower Bridge outra das visitas obrigatórias. Neste local, poder-se-á apanhar um barco para navegar no Rio Tamisa.
Descendo o Rio de Barco, viagem que recomendo vivamente, facilmente chegamos a Greenwich Park aonde a pé facilmente chegamos ao observatório com o mesmo nome. Que tal por os pés em cima do Meridiano de Greenwich.
4.th day (quarto dia) 23 - terça - Ontem, estivemos muito perto da Tower of London mas, a hora que dedicamos à mesma, mostrou-se inadequada. Esquecemos frequentemente que os Ingleses vão para casa mais cedo que nós. Quando são 4/4,30 horas da tarde já estão a arrumar a trouxa por isso a Torre estava fechada. Assim, hoje logo de manhã, visitá-mos este imponente monumento.
É cá que são guardadas as Jóias da Coroa verdadeiras relíquias de valor incalculável. Pena é que não deixem tirar fotografias. Na torre central, estava uma exposição sobre Henrique VIII, Dressed to Kill, magnífica e... Só vendo.

Já na parte da tarde, voltá-mo-nos para o Big Ben veja-se em baixo o Filme. O Big é mesmo grande.
Não resistimos em andar na London Eye. Aquela coisa é mesmo muito grande. Demora meia hora a dar a volta pois desloca-se muito lentamente. Hoje dei conta, neste local, das extremas condições de segurança que os Ingleses impõem.
Mais uma vez por causa do horário, falhámos a visita à Abadia de Westminster. Estes horários britânicos, são loucos. Metemos no metro e saímos em Notting_Hill. Foi só mesmo para cuscar (lembram-se do Filme?...) pois vamos voltar para ver o típico mercado de Portobello Road.
5.th day (quinto dia) 24 - quarta - MUSEU BRITÂNICO. Seis horas de visita. 30 minutos de descanso para almoçar. 70 salas, Egipto, Grécia, Roma, Assíria, Idade Média, Norte da América, África e Europa. Todas as representações possíveis da História do Homem na Terra. Esmagador. E, a custo ZERO. Não se pagou entrada. 6.th day (sexto dia) 25 - quinta -Chegada à Estação do Metro. A Abadia, Finalmente. Mais uma vez, está vedada a possibilidade de se tirarem fotos no seu interior o que é uma penamas, existe um desdobrável para os visitantes se orientarem no seu interior que ESTÁ EM PORTUGUÊS. Lá estão sepultados muitos monarcas britânicos e membros da família real e figuras que se destacaram na Inglaterra, nomeadamente: Isaac Newton, Henry Purcell e Charles Darwin, entre outros. O seu interior no exterior A ideia seguinte, era a de visitar o Museu de cera da Madame Tussauds mas, os bilhetes eram a 25 £ cada, portanto, preferimos gastar antes 6 £ (x2) no The Sherlock Holmes Museum (veja o link em português) 221b Baker Street. Espectáculo...
Na proximidade, encontra-se o Regent's Park e, como não poderia deixar de ser, visitar o sítio era missão obrigatória.
7.th day (sétimo dia) 26 - sexta -
Vamos ao Mercado logo de manhã. Afinal, já estava prometido voltar. O almoço também foi por cá. Pizza e boa que estava. Este local é emblemático e o seu mercado com tradição. Vale a pena visitar.

A noite chega e 19 horas, acreditem ou não, fomos presenteados com bilhetes para a peça: The Phantom of the Ópera. O espectáculo foi visto no Her Majesty's Theatre. Click aqui. Pena é, novamente, não ser autorizado tirar fotografias. Grande noite. Depois do espetáculo, Piccadilly Circus again, at nigth. Chinatown porque não...
E para acabar, passar mesmo na frente do espectáculo Triller Live em cena na West end. Banho de multidão, é verdade, mas muito emocionante este ambiente nocturno.
8.th day (oitavo dia) 27 - sábado -
Passear no grande Jardim de Harpenden foi relaxante. Afinal de contas, a Cidade de Londres é uma capital imponente e digna de ser vista mas, cansa um pouco. Agora é altura de dedicar mais tempo à natureza.
9.th day (nono dia) 28 - domingo - Acabar como comecei visitar St. Albans e mais umas compras de última hora.
Foto: Traseiras da Catedral de St Alban.

10.th day (décimo dia 29 - segunda - O regresso já com as saudades já baterem á porta.

video




video

ROSEIRAL DO JARDIM - Regent's Park


53 - Visita ao Almonda Novo - 2009-06-14 - Sapiens

Para ver algumas fotografias CLIQUE aqui ou na FOTO aqui representada:

Poster da Actividade

Foto 1: Aspecto do Interior da Gruta

Foto 2: Sempre a descer

Foto 3: Hora do descanso e matar a fome e a sede

A actividade correu como se esperava: Five stars. Efectuamos a descida por volta das 11 horas da manhã. Depois de uma progressão no interior da gruta de aproximadamente 3 horas, encontrámos por fim a nascente. O solo arenoso e a água cristalina são aqui uma realidade, pena é que, o lençol freático, esteja com um nível deveras baixo em relação ao que foi já observado no passado. É neste ambiente que tomamos contacto com a realidade dos fracos níveis de pluviosidade que não conseguem manter os ditos lençóis com um nível (caudal) de água diria, aceitáveis. Na verdade, muitos sifões que continham 2 e 3 metros de altura de água, agora encontram-se vazios, ouvindo-se o rio subterrâneo lá bem fundo a seguir o seu percurso.
Fotografias 1, 2 e 3: Artur Hintz Delgado

52 - Visita à Casa-Estúdio Carlos Relvas - 2009-06-13 - Golegã

Depois de ouvir um programa de Rádio da TSF cujo tema era a Casa-Estúdio Carlos Relvas, situada na Golegã, resolvemos na hora visitar a mesma. Realmente é uma Casa muito bonita e interessante, tanto ao nível arquitectónico como histórico. Penso não ser necessário alongar-me demasiado nem descrever tudo pois o Site da Casa é tão completo que mereçe ser visitado, assim como a Casa-Estúdio Carlos Relvas. Divirtam-se.

Vejam-se as Fotografias: Clique na FOTOGRAFIA

51 - Actividade no Pavilhão Gimnodesportivo de Tomar - 2009-06-06

A Semana da Criança e do Ambiente (1 a 6 de Junho), promovida pela Câmara Municipal e em parceria com diversas associações, regressou a Tomar. Assim, a Associação CEPPRT - CENTRO DE ESTUDOS E PROTECÇÃO DO PATRIMÓNIO DA REGIÃO DE TOMAR interveio com uma actividade de RAPEL que, devido ao mau tempo, realizou-se não ao ar livre como estava inicialmente agendado (chegou-se a ter uma tirolesa montada no jardim), mas sim dentro do Pavilhão. Foi com muito gosto que recebi o convite para colaborar neste evento e um enorme prazer participar, pois diga-se, o mesmo correu muito bem, mesmo com as condições adversas que se nos depararam, nomeadamente, as meteorológicas. Dentro do Pavilhão Gimnodesportivo, os jovens, poderam contar com a participação de actividades tão diversas como: Andar de bicicleta (com a participação da PSP de Tomar), construções com lego, colchão insuflável, salto de trampolim, etc. O nosso grupo, eu a Vera, a Susana, o Paulo, o Cabeleira e o João, aproveitámos um pequeno espaço para a prática da actividade mas, obtivemos uma grande adesão e interesse por parte da pequenada, para RAPELAR.



Cromos de colecção para a posteridade...

Agradecemos à PSP de Tomar a gentileza de nos ceder as fotografias aqui presentes.